Sábado, 1 de Agosto de 2009

PARABÉNS, SARRABAL! (CARLOS FERREIRA)

                     

 

Prosseguindo a abertura dos «presentes» de aniversário enviados ao Sarrabal, cabe hoje a vez de publicar um poema do meu amigo Carlos Ferreira, do blog Garatujando.

 

Pessoa sensível, como são todos os artistas –  faz desenhos belíssimos, embora, modestamente, diga que não –, de vez em quando o Carlos dá um saltinho até à poesia (ainda aqui afirmando «que não tem qualidade», coisa de que discordo e que os meus leitores poderão, facilmente, aquilatar). É certo que, no seu excelente blog, raramente publica um poema seu. A orientação do Garatujando vai para a divulgação da poesia dos nossos autores. Nesse sentido, o seu blog vem fazendo um trabalho meritório na publicação de textos dos escritores portugueses, tanto em prosa, como em poesia, acompanhados das respectivas fotos e dados biobibliográficos.

 
Carlos Ferreira brinda-nos, igualmente, com a publicação de magníficas reproduções de fotografia e pintura de diversos autores, além de focar temas locais (Póvoa de Varzim) e outros assuntos de todo o interesse para quem visita o Garatujando.
 
A (resumida) apresentação está feita. Passo a desenrolar a passadeira vermelha. Carlos Ferreira, faça o favor!
 
Soledade Martinho Costa
 
                              TERRA PROIBIDA

 

Cópia de Van Gogh do «Semeador» de Jean-François  Millet.
 
Os olhos do homem extasiaram-se
Na muda contemplação da Terra.
 
E na sua alma de poeta
Nos seus olhos de artista
No seu gosto de esteta
O sonho se definiu
Tomou forma
Cresceu.
 
Aureolado de esperança
Tirou do alforge das suas ilusões
Um punhado de sementes
E lançou-as à terra.
 
Através do prisma da sua imaginação
As sementes germinaram
E numa explosão de cor
Floriram.
 
Aqui
As rosas brancas da amizade;
Além
O amarelo do jasmim da dedicação;
Acolá
O azul das glicínias da ternura;
Mais além
A mancha forte, rubra dos cravos
Na significação emblemática do Amor.
 
E evolando-se da terra
O odor agridoce dos desejos.
 
Então
Miríades de borboletas
Descendo
Na sua graça alada
Da poalha doirada do Sol
Vieram
Policromas e belas
Poisar levemente nas flores
Levando
De corola em corola
O polén da fecundação.
 
E
Quando em êxtase se perdia
Na amorosa contemplação
Da beleza que o cercava
O homem foi
Subitamente
Cruamente
Acordado pela Razão.
 
Na aridez ressequida da realidade
Viu
Que a terra fecunda em que lançara
Esperançoso as suas esperanças
Onde depositara
Cheio de ilusões
As suas ilusões
A terra promissora
Que tratara com a ternura do seu querer
Que sulcara com o arado dos seus desejos
Que fertilizara com o húmus do seu amor
Essa terra
Onde enraizara as suas esperanças
Lhe era proibida.
 
E o Homem
De novo reduzido à sua condição de homem
Partiu
Cabisbaixo
E triste
Levando no seu alforge esburacado
O vazio do seu desalento.
 
Carlos Ferreira
 
 (A seguir: MARIA EUGÉNIA NETO)
publicado por sarrabal às 00:33
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Anónimo a 3 de Agosto de 2009 às 13:04
Ideia original de festejar o aniversário do blogue. Parabéns pelos dois anos que passaram e também ao autor do poema Terra Proibida. Agora é continuar!

Beijinho

Paula Cristina


De sarrabal a 3 de Agosto de 2009 às 16:09
Paula Cristina:

No que me toca, obrigada pelas simpáticas palavras.
Outro beijinho para ti!

Sol


De garatujando a 3 de Agosto de 2009 às 18:23
À Paula Cristina o meu agradecimento pela gentil menção ao meu poema.
Carlos Ferreira


De Paula Cristina a 25 de Agosto de 2009 às 16:00
Fi-lo com prazer.

Paula Cristina


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. MEDITERRÂNICA

. SAUDADE

. CALENDÁRIO - OUTUBRO

. 1 DE OUTUBRO - DIA MUNDIA...

. «O NOME DOS POEMAS»

. HISTORINHA - O MOCHO E A ...

. A CONTRACAPA DE «O NOME D...

. O MEU NOVO LIVRO «O NOME ...

. A VOZ DO VENTO CHAMA PELO...

. ALGUMA COISA ACONTECE

. HISTORINHA - A TOUPEIRA E...

. CALENDÁRIO - AGOSTO

. LEMBRAR AMÁLIA

. PARABÉNS SARRABAL - E VÃO...

. CERTEZA

. SÃO JOÃO - O SOL E AS PLA...

. PORTUGAL A ARDER - O FOGO...

. HISTORINHA - A ABELHA E O...

. ALGUÉM SE LEMBRA?

. SANTO ANTÓNIO - AS MARCHA...

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.links

.Contador

conter12
blogs SAPO