Segunda-feira, 7 de Julho de 2008

COISAS DA TERESINHA - O GELADO

 

Mais uma vez vou falar da Teresinha. Das “coisas” da Teresinha.

Já referi aqui dois dos termos por ela usados frequentemente: «vou mostrar-me ao espelho» em vez de «vou ver-me ao espelho», e a palavra «atchingar», a substituir o vocábulo «espirrar».

A Teresinha possui uma certa propensão para inventar palavras. Só ainda não sabe que se trata de neologismos, porque ninguém lhe disse e eu não tive ainda a oportunidade de lhe explicar.

Desde que começou a falar com mais desenvoltura, começaram também a surgir no seu vocabulário palavras novas, que foram motivo de surpresa e graça para toda a família. Por brincadeira, até costumamos imitar essas palavras: «Já atchinguei!», é uma delas.

Mas, há mais. Quando todos dizemos «lamber» – são pouquíssimos os sinónimos para esta palavra e nem todos condizentes – a Teresinha, desde muito cedo, optou por dizer «linguar». Ora, «linguar», quanto a mim, tem muito mais sentido, porque deriva da palavra «língua», enquanto o vocábulo «lamber», embora nos indique que a nossa língua percorre alguma coisa passando sobre ela, não me parece tão conseguida no aspecto linguístico. Temos que dar razão e mérito à «inovação» da Teresinha.

- Teresa, olha… – Chama o irmão.

- Agora não posso. Estou a «linguar» a colher do mel!

- Mãe, posso «linguar» o chocolate do bolo?

- Gosto tanto de «linguar» este “nogat”!

Isto, para não falar nos crepes. «Linguar» o prato depois de ter comido o crepe, não sendo uma coisa elegante nem bonita de se fazer, é o remate para dar por terminada uma “operação” a todos os níveis capaz de absorver a Teresinha por largos minutos. O prato fica limpo como se tivesse saído da máquina de lavar loiça!

Mas a Teresinha não é uma menina gulosa. Raramente pede um bolo. Rebuçados também não, «fazem mal aos dentes, e o açúcar não é nada bom para a saúde», e não gosta de arroz-doce. – Ao contrário do irmão, que não aprecia doces, mas não dispensa a tacinha de arroz-doce, em casa ou no restaurante.

A Teresinha gosta, isso sim, de toda a espécie de frutos: «Esta saladinha de fruta está uma delícia!». E gosta de nozes e amêndoas, mas, principalmente, de pinhões.

Voltando aos doces, há uma coisa que a Teresinha «lingua» primorosamente bem: são os gelados. Quando está a «linguar» um gelado não há nada nem ninguém que a faça distrair dessa função gustativa, tão fresca e tão do seu agrado.

Como o acordo ortográfico parece ter ido mesmo por diante – o que, sinceramente, lamento –, vou propor a introdução dos neologismos da Teresinha nos novos dicionários de Língua Portuguesa. Os “inovadores” são bem capazes de aceitar. Não tenho qualquer dúvida quanto a isso!

 

Soledade Martinho Costa

                                                                             

 

 

publicado por sarrabal às 00:22
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. CALENDÁRIO - AGOSTO

. LEMBRAR AMÁLIA

. PARABÉNS SARRABAL - E VÃO...

. CERTEZA

. SÃO JOÃO - O SOL E AS PLA...

. PORTUGAL A ARDER - O FOGO...

. HISTORINHA - A ABELHA E O...

. ALGUÉM SE LEMBRA?

. SANTO ANTÓNIO - AS MARCHA...

. CANTO DO VENTO

. ZECA AFONSO

. 23 DE ABRIL - DIA MUNDIAL...

. DEDICATÓRIA

. SEMANA SANTA - O GALO DAS...

. CELEBRAÇÕES DA QUARESMA -...

. CALENDÁRIO - MARÇO

. CARNAVAL - A MÁSCARA

. TODOS OS LUGARES SÃO TEUS

. BOLO-REI - ORIGENS

. A VIAGEM DOS TRÊS REIS MA...

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.links

.Contador

conter12
blogs SAPO